FCJ

FCJ e ABC³ fecham parceria e prometem ser a via de mão dupla para corporações e startups

FCJ e ABC³ fecham parceria e prometem ser a via de mão dupla para corporações e startups

O objetivo do projeto é aproximar empresas do ecossistema de inovação e levar governança corporativa para as startups

Com o amadurecimento do ecossistema de startups, essas empresas entenderam que a governança corporativa é um fator relevante para o crescimento saudável do negócio. Adotar boas práticas e mecanismos de controle mesmo que a startup esteja em fase de ideação garantirá menos riscos e facilitará a captação de investimentos no futuro.

Por outro lado, ainda que o Brasil seja uma nação competitiva, uma pauta que ainda é deixada de lado por muitas empresas é a da inovação, seja por falta de acesso a recursos ou pelo fato de a inovação ainda ser vista como algo caro e difícil de ser implementada.

Para dar luz a esses dois cenários, a FCJ Venture Builder, multinacional líder no segmento, e a ABC³, instituição referência em aplicação de governança corporativa no Brasil, anunciaram uma parceria que promete ser a via de mão dupla para corporações e startups. “A parceria vem num excelente momento, no qual os empreendedores precisam ter acesso ao mercado e de ajuda de gente experiente, enquanto as médias e grandes empresas precisam de inovação”, explicou Milton Yuki, representante da FCJ à frente do projeto.

Para as startups da rede FCJ, essa parceria significa um grande avanço em termos de estruturação de negócio, maior segurança de gestão, além de agregar valor às startups com o “smart money”. Com a participação ativa dos conselheiros da ABC³, a proposta é auxiliar os empreendedores em processos decisórios, na clareza dos papéis dos stakeholders e dos objetivos e metas. 

“Essa é uma oportunidade de ampliar a ABC³ no mercado e mostrar aos associados como conduzir as práticas de governança dentro do ecossistema de inovação, ao mesmo tempo em que oferecemos às startups todo o preparo dos associados”, pontuou Gustavo Gonçalves, associado da ABC³ com mais de 36 anos de experiência em governança corporativa.

Por outro lado, os conselheiros da ABC³ que farão parte do projeto terão uma imersão sobre os conceitos de open innovation, startups e corporate venture building, para que eles também possam apresentar essas soluções de inovação às empresas com as quais tenham contato. “Através do trabalho de implementação do conceito de CVB, vamos organizar, em torno de uma empresa tradicional, todo um ecossistema de inovação, levando tudo o que a FCJ já desenvolveu de melhores práticas de inovação, no conceito de open innovation”, explicou Yuki.

Com os desafios do dia a dia, gerar inovação internamente pode demandar custo e tempo que muitas vezes não são suficientes para a empresa chegar a resultados positivos. Portanto, segundo o representante da FCJ, “a melhor coisa é promover o ‘musubi’, que significa a união do empreendedor com empresa, das empresas que precisam inovar com jovens empreendedores, e a partir daí gerar transformação e entregar valor para o mercado”.

Confira o lançamento no YouTube:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

AssuntosRelacionados

Sem conteúdo relacionado

Nosso Instagram

Post Recentes